domingo, 1 de julho de 2012

A politica no Panorama Cristão


2012 chegou e esse é mais um daqueles anos onde temos que ter muita paciência para ver as pencas de políticos encherem nossas igrejas de promessas e muito papo furado. Não sei quanto a vocês, mas eu gosto de política, não gosto é de politicagem e gosto menos ainda quando a mesma tem espaço nas igrejas.
Não podemos nos esquivar do nosso dever, votar! Direito esse que foi conquistado através de muita luta. Infelizmente, a grande massa, aproveita esse período para baixar ainda mais o nível da politica. ao invés de discutir idéias é discutido partidos. Uma tristeza! Uma perca de tempo.

     Em nossa cidade foi realizado ontem a convenção dos partidos (foto), não fui a nenhuma, mas, espero que tenha se discutido nessas convenções ideias para desenvolvimento do município, planos de governo, prioridades de atuação e claro estratégias para levantamento de verbas. Pois, nunca vi campanhas tão exageradas e tanto dinheiro público desperdiçado.

Como já fora anunciado o Brasil tem mais de 22% da população formada por famílias evangélicas e esse povo passou a ter grande representatividade nas urnas. Os políticos, que não são burros nem nada, querem a todo custo conquistar a confiança, mais conhecida como voto, do povo cristão.

Quero aqui expressar minha opinião sobre o campo político e a fé cristã. Realmente não gosto de ver pastores dando espaço para candidatos durante os cultos. Primeiro que esses homens e mulheres só descobrem o endereço das igrejas nessa época - e o povo não é burro gente, parem com isso!
E se não bastasse esses políticos só ficam na igreja durante o tempo necessário para a 'campanha' e não ficam para a mensagem final - quem sabe assim eles colocariam a mão na consciência ao serem impactados por verdades vindas de Deus, talvez por isso fujam das mensagens.

Todavia, quero dizer que não sou contra a igreja votar em um irmão ou irmã. Eu penso o seguinte; o interessante seria instruir a congregação a votar em um cristão por conta dos princípios - por exemplo: Se nós somos contra o aborto precisamo de legisladores que sejam contra para barrar esses 'avanços' que vão contra os ideais cristão.

Mas aí surge a pergunta: Como fazer isso nas igrejas?
Simples, esse estudo e instrução sobre política deve ser repassado apenas aos membros da igreja e, de preferência, num culto fechado com as pessoas que são membros da igreja!

Fonte Olhar Pentecostal

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Parabens Oséia Campos, sou Lucia Helenae quero vos dizer que concordo plenamente; As igreja evangèlicas de hoje inverteram seus valores, nessa época de campanha usam-se a tribuna para fazer politicagem. Eu me envergonho disso, as vezes penso em procurar uma Igreja, que não partcipa de campanha política, mas tenho observado que são todas, ou cuase todas, não temos para onde correr, todos os sinais anunciam que é o fim, Jesus esta voltando!!! 2 Pedro capitulo 02 verso 02 e 03 Muitos seguirão as suas dissolussões, e por causa deles será blasfemado o caminho da verdade;também, movidos pela ganância, e com palavras fingidas, eles farão de vós negócio; e a condenação dos quais já de largos tempo não tarda e a sua destruição não dorme. O que tem acontecido em nossos dias, é promessas falsas e alguém ainda acredita. Tenho uma irmã candidata a vereadora, e nova convertida, mas não passo a mão pela cabeça, ja deixei claro para ela, que não faço campanha; nem dentro e nem no pátio da Igreja. não quero sujar minhas vestes. não terá meio termo. falo a verdade! Tantas coisas realizar-se como por exemplo: focar no campo Missionário investir em salvação de almas, e os pastores perdendo tempo com política, campartilhando da mesma sujeira e corrupção. e por conta disso, as Igrejas estão perdendo O Alvo, as almas não estão se rendendo aos pés do Senhor, porque não acreditam em ninguém. Fomos chamados para ser canal e porta vóz da palavra de Deus, e não ser levado a mentir e induzir as pessoas fazer o mesmo. se até os crentes antigos, estão desacreditados, quanto mais "não cristãos" Alõ povo de Deus acorda!!! seja fiel até a morte! Não adianta ganhar tantas riquezas e perder a salvação. Porque estou dizendo isso, em minha cidade um político evangélico não aceitou fazer parte da mafia dentro da prefeitura, foi perseguido e foi morto com vários tiros. Lamentamos a morte dele aqui. mas me alegro que ele esta salvo, pois não sujou sua veste. encerro pr aqui1 Deus abençoe a todos!!!

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante.
Deixe seu comentário.